Frases de Dignidade

Frases de Dignidade. Encontra dezenas de Frases de Dignidade com fotos para copiar e partilhar.

0

  • A solidariedade é o sentimento que melhor expressa o respeito pela dignidade humana.



  • Se você agir sempre com dignidade, talvez não consiga mudar o mundo, mas será um canalha a menos.



  • Outrora, a velhice era uma dignidade; hoje, ela é um peso.



  • A dignidade da mulher é medida pela categoria do amor.



  • A violência destrói o que ela pretende defender: a dignidade da vida, a liberdade do ser humano.



  • Não trabalho com a miséria, mas com as pessoas mais pobres. Elas são muito ricas em dignidade e buscam, de forma criativa, uma vida melhor. Quero com isso provocar um debate. A nossa sociedade é muito mentirosa. Ela prega como sendo única a verdade de um pequeno grupo que detém o poder.



  • Se você agir sempre com dignidade, pode não melhorar o mundo, mas uma coisa é certa: haverá na Terra um canalha a menos.



  • Você, pra ser uma mulher de peito. É primeiro... Você precisa ter dignidade, isso é a primeira coisa. Dignidade no que você fala, você [precisa] se respeitar, não se avacalhar, não fazer mutreta, não fazer coisa que te envergonhe, se amar. [Fazendo] isso tudo, você chega a ser uma mulher de peito.



  • Quando você é verdadeiro, sua dignidade se manifesta e desperta o respeito das pessoas.



  • A essência da filosofia liberal é a crença na dignidade do indivíduo, em sua liberdade de usar ao máximo suas capacidades e oportunidades de acordo com suas próprias escolhas, sujeito somente à obrigação de não interferir com a liberdade de outros indivíduos fazerem o mesmo.



  • O auto-respeito é a raiz da disciplina; a noção de dignidade cresce com a habilidade de dizer não a si mesmo.



  • A perfeição da própria conduta consiste em manter cada um a sua dignidade sem prejudicar a liberdade alheia.



  • Não vou fugir e nem abandonar a luta desses agricultores que estão desprotegidos no meio da floresta. Eles têm o sagrado direito a uma vida melhor numa terra onde possam viver e produzir com dignidade sem devastar.



  • Há derrotas que têm mais dignidade do que a própria vitória.



  • Há épocas de tal corrupção, que, durante elas, talvez só o excesso do fanatismo possa, no meio da imoralidade triunfante, servir de escudo à nobreza e à dignidade das almas rijamente temperadas.



  • De repente, fugir tornou-se uma dignidade. Já ninguém aguenta uma derrota. A persistência; a determinação e, sobretudo, a bendita paciência são hoje qualidades desprezíveis. Aguentar e esperar pela próxima oportunidade consideram-se teimosias gananciosas; arrogâncias; estupidezes.



  • Não queremos perder, nem deveríamos perder: saúde, pessoas, posição, dignidade ou confiança. Mas perder e ganhar faz parte do nosso processo de humanização



  • Só com uma ardente paciência conquistaremos a esplêndida cidade que dará luz, justiça e dignidade a todos os homens. Assim a poesia não terá cantado em vão.



  • A delicadeza e a dignidade é o próprio coração que ensina e não um mestre de dança.



  • Maior que a dor do parto é a dor da criança abandonada. Assumir a paternidade e criar os filhos com dignidade, dando bons exemplos. Esse é o caminho da cidadania.



  • A dignidade pessoal e a honra, não podem ser protegidas por outros, devem ser zeladas pelo indivíduo em particular.



  • A miséria degrada o homem na sua dignidade e o degradado parte para a violência, única e desesperada arma de defesa.



  • Suportar sem se submeter, aceitar sem se humilhar, entregar-se sem renunciar a si mesmo e à possível dignidade.



  • Conserve a sua dignidade; conserve a sua integridade. Ninguém pode menosprezá-lo, a não ser você.



  • Preservar o Brasil das ditaduras, do totalitarismo esmagador das liberdades e da gradativa estatização econômica e cultural, que conduz inevitavelmente à opressão e eclipse total dos direitos humanos, é nosso dever, como impositivo da nossa racionalidade e da nossa dignidade.



  • Se as pessoas não melhoram para si, melhore para as pessoas. Seja digno e receberá dignidade. Veja-as com outros olhos e será visto com nova óptica. As imperfeições que julgamos nos outros muitas vezes está em nós mesmos.



  • Perdemos a dignidade, temos dificuldade de encarar a nós mesmos no espelho ou a comunidade internacional num cenário de corrupção sistêmica.



  • Cada qual se veste com a sua dignidade por fora, diante dos outros; mas sabe muito bem tudo de inconfessável que se passa no seu íntimo.



  • Se em um momento de rara felicidade, eu conseguisse escrever algumas poucas palavras de qualidade que pudessem suavizar os árduos caminhos da vida e trouxessem à agitação dos nossos dias um pouco de coragem, dignidade e equilíbrio, eu ficaria muito feliz



  • Quando alguém compreende que é contrário à sua dignidade de homem obedecer a leis injustas, nenhuma tirania pode escravizá-lo.



  • O artista, como qualquer homem, precisa enfrentar com decisão as dúvidas, aceitar sua guerra. Não pode achar que tudo já está concordado. É isso que dá dignidade à missão do artista e do homem.



  • Retórica dos namorados, dá-me uma comparação exata e poética para dizer o que foram aqueles olhos de Capitu. Não me acode imagem capaz de dizer, sem quebra da dignidade do estilo, o que eles foram e me fizeram. Olhos de ressaca? Vá, de ressaca.



  • As mulheres são apenas mulheres, choram, arrufam-se ou resignam-se; as que têm alguma coisa mais do que a debilidade feminina, lutam ou recolhem-se à dignidade do silêncio.



  • O homem é feito visivelmente para pensar; é toda a sua dignidade e todo o seu mérito; e todo o seu dever é pensar bem.



  • Um reino dividido não resiste às investidas do adversário. Um ser humano dividido não consegue viver com dignidade.



  • A nossa dignidade consiste no pensamento. Procuremos pois pensar bem. Nisto reside o princípio da moral.



  • A primeira sensação que experimento ao encontrar-me na presença de uma criatura humana, por humilde que seja a sua condição, é da igualdade originária da espécie. Uma vez dominado por esta ideia, preocupa-me muito mais do que ser-lhe útil ou agradável, o não ofender nem ao de leve a sua dignidade.



  • Falam da dignidade do trabalho. Bah! A dignidade está no ócio.



  • Se um homem não está disposto a arriscar a sua vida, onde está sua dignidade?



  • A dignidade com que morrem os animais: não têm nada para deixar.